quinta-feira, 17 de julho de 2014 6 comentários

Entrecosto de javali estufado

Ora aqui está algo que nunca tinha provado! A minha mãe aqui há tempos ofereceu-me uma peça de entrecosto de javali para eu experimentar. Eu como nunca tinha feito tal coisa guardei na arca e lá foi ficando. Há dias lembrei-me dele e resolvi tirar e arriscar. Fui à net procurar uma receita e voilá, saiu um javali muito apetitoso, apesar de ter um sabor um pouco diferente do porco nós gostámos bastante e já cravámos a mãezinha para arranjar mais… ah ah ah!!
A receita que fiz fui buscar aqui, mas fiz uma ou outra alteração por isso vou colocar como fiz.

Entrecosto de javali estufado-empratado

Ingredientes:

1 peça de entrecosto de javali
100 ml de azeite
1 cebola grande picada
3 dentes de alho picados
Sumo de uma laranja
Sumo de meio limão
2 folhas de louro da Suldouro
3 colheres (sopa) de polpa de tomate
1 copo de vinho tinto
1 copo de água
Sal q.b.
Pimenta preta q.b. da Suldouro
Orégãos secos q.b. da Suldouro
1/2 pimento cortado em tiras
1 cebola média cortada ás rodelas

Modo de preparação:

Coloque o azeite, a cebola e o alho picados num tacho ao lume, adicione o javali cortado aos pedaços e os restantes ingredientes, excepto a cebola às rodelas e o pimento. Deixe cozinhar em lume muito brando durante cerca de uma hora. Cerca de 15 minutos antes de terminar a cozedura, adicione a cebola e o pimento. Se achar necessário acrescente um pouco de água durante a cozedura, caso o líquido evapore.
Assim que a cebola estiver cozinhada retire do lume e sirva.
Eu servi com arroz de manteiga.

Entrecosto de javali estufado

Estes foram os produtos oferecidos pela Suldouro que utilizei na receita:

Entrecosto de javali parcerias

Bom apetite!

Print Friendly and PDF
quinta-feira, 10 de julho de 2014 10 comentários

Pudim de nozes pecans

Mais um jantar de família, mais um docinho! Desta vez um pudim que fui retirar ao meu livro “Tesouro das cozinheiras”. Eu fiz a receita a dobrar, o que me deu para dois pudins e fiz também algumas alterações. No livro utilizaram nozes normais, mas eu como tinha pecans foi o que utilizei. No livro pedia para untar a forma com manteiga e para servir o pudim com um creme de baunilha, mas eu, num deles utilizei caramelo mesmo para ser mais rápido, o outro cobri com creme de pasteleiro que me tinha sobrado de um bolo que fiz. 
O meu conselho? Se utilizarem caramelo usem caseiro porque com o de compra (que foi o que usei) o pudim fica meio amargo. Mas mesmo assim aconselho a fazerem antes o tal creme de baunilha, ou mesmo creme de pasteleiro, fica muito mais saboroso! ;)


Pudim de nozes pecansPudim de nozes pecans-perto

Ingredientes:

4 ovos
125 g de açúcar
200 g de nozes moídas
100 g de miolo de pão ( se usar pão doce, tipo fogaça ainda melhor)
Creme de baunilha (usei caramelo e creme de pasteleiro)

Modo de preparação:

Batem-se as gemas até ficarem espumosas e, em seguida, adiciona-se-lhes o açúcar, continuando a bater até ficar grosso. Incorporam-se-lhe as nozes pouco a pouco e depois o pão finamente desfeito em migalhas. Adicionam-se então as claras batidas em neve firme com uma pitada de sal.
Unta-se bem de manteiga uma forma com tampa, enche-se com a massa anteriormente preparada e leva-se a cozer em banho-maria durante uma hora (eu cozi no tacho de pressão por cerca de 30 minutos).
Desenforma-se e serve-se acompanhado de um creme de baunilha ligeiro, de xarope de frutas ou ainda de custarda.

Pudim de nozes pecans-perto.

Bom apetite!

Print Friendly and PDF
quarta-feira, 2 de julho de 2014 6 comentários

Filetes de peixe gato fritos com molho de coentros, alho e jindungo

Esta receita tem uma história que é a seguinte, inventei-a e escrevi a receita algures, mas entretanto perdi a receita e não me lembrava de como a tinha feito. Então por aqui foi ficando à espera de um milagre que finalmente aconteceu…ah ah ah! Encontrei a bendita receita!! Esta foi a segunda receita onde utilizei o molho de coentros e alho que me foi oferecido pela Paladin e estava a ver que não a publicava… Mas cá está ela e se estava uma delicia! :)
Fiz assim:

Peixe gato frito com molho de coentros, alho e jindungoPeixe gato frito com molho de coentros, alho e jindungo-empratado

Ingredientes:

1 embalagem de filetes de peixe gato congelados
100 ml de azeite
50 g de margarina
1 colher (sobremesa) de alho em pó
1 colher (sobremesa) de alho e jindungo da Espiga
3 colheres (sopa) de molho de coentros e alho da Paladin
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparação:

Numa frigideira deite o azeite, a margarina e o alho em pó. Assim que derreter a margarina coloque os filetes já descongelados, tempere com sal, pimenta e o alho e jindungo. Deixe cozinhar.
Assim que estiver pronto acrescente o molho de coentros e alho e envolva tudo muito bem. Retire do lume e sirva.
Eu servi com arroz de ervilhas e chouriço.

Os produtos que utilizei nesta receita:

molho-coentros-e-alho-paladin-bico-250
(imagem retirada da net)

Parceria Espiga

Bom apetite!

Print Friendly and PDF

Número total de visualizações de página

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
;